(por Nany Mata)

Sempre tem aquele filme que o professor da faculdade passa como recado, para entendermos um pouco mais da prática na profissão. Qual jornalista não assistiu o Quarto poder, Cidadão Kane, O informante, Capote e, mais recentemente, O abutre? Todos são ótimos, por sinal, mas, e o lado de cá, da comunicação corporativa, não merece ser mostrado nas telonas?

Aproveitando meu último passeio ao cinema e aquela inspiração de quem, mesmo descansando, lembra-se do trabalho, resolvi fazer uma série com longas obrigatórios para qualquer assessor de comunicação.

george-clooney-money-monsterNada mais justo do que começar a série com aquele que a inspirou: Jogo do Dinheiro (Money Monster, 2016). Dirigido brilhantemente por Jodie Foster, o longa conta com George Clooney e Julia Roberts, que interpretam o âncora e a diretora de um programa de TV, Money Monster. O show lembra um “Balanço Geral” econômico, com direito a dancinhas, bom humor e apostas do apresentador, em empresas, para se investir na Bolsa de Valores.

julia-roberts-jogo-do-dinheiro

Certo dia, Diane Lester (Caitriona Balfe), diretora de comunicação de uma das companhias recomendadas por Lee Gates (Clooney), está a postos para uma entrevista a distância, ao vivo, porque o CEO não chegaria a tempo, pois estaria em voo. Na ocasião, porém, Kyle Budwell (Jack O’Connell) invade o estúdio, fazendo de Gates e sua equipe reféns, após perder uma grana acreditando na sugestão do apresentador.

Está instaurada a crise!

Diante das ameaças do jovem, de um lado, Patty Fenn (Roberts) pressiona para que Lester forneça informações de verdade para dar um fim à situação. Do outro, dentro da empresa, a comunicação é negligenciada e considerada menos importante do que informações estratégicas que os chefões não querem fornecer. Tudo isso, com o país inteiro acompanhando ao vivo.

Caitriona Balfe interpreta a diretora de comunicação Diane LesterCaitriona Balfe interpreta a diretora de comunicação Diane Lester

E agora? Você mentiria pela empresa ou seguiria seus princípios?

Nada de spoilers! Descubra a resposta para esse dilema no filme, que vale a pena e, ainda, trabalha questões como empoderamento feminino, ética corporativa e desigualdade social. Assista ao trailer:

COMO PODEMOS TE AJUDAR? ESTAMOS À SUA DISPOSIÇÃO.